Paraty - Versão em português Paraty - English version

PARATY TURISMO
E ECOLOGIA

Centro Cultural Sesc  Paraty  - Palco Giratório 20 Anos
(25/08/2017)

Centro Cultural Sesc Paraty - Palco Giratório 20 Anos

Paraty recebe os dançarinos Alexandre Américo e Rodrigo Cruz
 
O Sesc Paraty dá continuidade à programação do Palco Giratório 2017. Na etapa que acontece de 2 a 4 de setembro será oferecido o seminário, espetáculo e a oficina com o bailarino Alexandre Américo. Todos os eventos acontecem no Sesc  Silo. A Oficina de Dança está com as inscrições abertas até 01 de setembro.
Sobre o Palco Giratório

Nas Artes Cênicas, além do entretenimento proporcionado pelo teatro, dança, circo, intervenção urbana e performance, integrando tradição e contemporaneidade, o público também desenvolve olhares que possibilitam o surgimento de novas práticas no dia a dia. A arte transforma a vida e reafirma o sentido da comunidade.

O Palco Giratório, reconhecido no cenário cultural brasileiro como um importante projeto de difusão e intercâmbio das Artes Cênicas, intensifica a formação de plateias a partir da circulação de espetáculos dos mais variados gêneros, em todos os estados brasileiros, nas capitais e no interior, desde 1998.

Programação do Palco Giratório - 20 anos

02/09, 19h - Seminário Palco Giratório- 20 Anos: Diálogos e interações com artistas, grupos e públicos.
Sesc Silo - Rua D, 30, Vila D. Pedro I - Paraty - Gratuito.

Mesa composta por artistas que circularam em diferentes edições do Palco Giratório, cuja proposta é pensar estratégias concretas de sustentabilidade e manutenção que esses artistas e seus coletivos desenvolveram a partir da circulação pelo projeto.

Convidados: Os bailarinos Alexandre Américo (RN) e Rodrigo Cruz (GO).
Mediação: Mariana Pimentel (Técnica de Cultura da Gerência de Cultura do Sesc Nacional).

Alexandre Américo, pesquisador, bailarino, criador formado em Licenciatura Plena em Dança pela UFRN (2013.2) e mestrando do Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas pela UFRN. Em Natal/RN, atuou nas seguintes Cias de Dança: Parafolclórico da UFRN (2008-2010), Gaya Dança Contemporânea (2010-2012), Cia de Dança do Teatro Alberto Maranhão (2011), Cruor Arte Contemporânea (2013) e Balé da Cidade de Natal (2014).Hoje é atuante na área da investigação em Dança Contemporânea.
Rodrigo Cruz se define como Artista do Corpo.  Graduado em Educação Física e Pós-graduado em Ensino da Música e Processos Interdisciplinares em Artes, Professor de Dança na FEFD-UFG. Sua formação profissional é transdisciplinar, na Dança e outras artes corporais-marciais, Teatro,  Cinema e Música (Percussão).  Juntos formam as bases corporais, estéticas, metodológicas e filosóficas em suas investigações e atuações artísticas e pedagógicas com a Dança Contemporânea e as Artes Cênicas. Integrou a consagrada Quasar Cia de Dança, trabalhou em peças teatrais e musicais com artistas renomados de Goiânia e do Brasil, fazendo preparação corporal/cênica para distintos grupos, apresentando e ministrando cursos de formação e oficinas por todo território brasileiro, além de cidades na Bolívia, Argentina, Uruguai, Estados Unidos, Alemanha, Espanha, Portugal, Holanda, Suíça e China.
 
03/09, 20h - Espetáculo “Cinzas ao Solo”
Sesc Silo - Rua D, 30, Vila D. Pedro I - Paraty  - Indicação Livre. Gratuito.
Ao utilizar a metáfora do homem que caminha devorando o "mundo", o intérprete (Alexandre Américo) inicia a busca pela sensação de comunhão com o todo, de ancestralidade, de atemporalidade. Em seu percurso criativo, o bailarino mergulha em diversos locais de natureza exuberante, lugares sagrados quase nunca tocados, lugares de silêncio e força, na tentativa de tocar o invisível, de encontrar o "ancestral"; o primeiro e o último homem que dançou.  Após a apresentação haverá bate-papo entre Alexandre Américo e o público, mediado pelo bailarino Rodrigo Cruz (Goiás).

Ficha técnica:
Bailarino-criador: Alexandre Américo
Diretor Artístico: Mathieu Duvignaud
Dramaturgia: Morvan França
Luz: Laura Figueiredo
Operação de Luz: Camila Tiago
Trilha Sonora: Toni Gregório
Voz: Ionara Marques
Adereço: Jô Bonfim
Exposição: Morvan França
Impressão de Fotografia: Estúdio P.
Fotógrafo: Brunno Martins
Produção: Celso Filho - Listo! Produções Artísticas
 
04/09, 14h às 20h - Oficina de Dança com Alexandre Américo

Sesc Silo - Rua D, 30, Vila D. Pedro I - Paraty
Inscrições abertas de: 22/08 a 01/09 pelo e-mail inscricoes.ccsp@sesc.com.br ou presencialmente no endereço: Sesc Santa Rita - Rua D. Geralda, 15 - Largo de Santa Rita.
 
Promove o desenvolvimento de “pistas” para a criação em dança por meio da hibridez oriunda das técnicas corporais experimentadas pelo bailarino, bem como a reflexão sobre a importância da improvisação enquanto treino, meio e finalidade cênico-artística. Além do mais, pretende, por meio de jogos cênicos e roteirização, compartilhar o modo peculiar de se mover desenvolvido ao longo de três anos de pesquisa proveniente da Epilepsia Mioclônica Juvenil.

<< Voltar

Termos mais procurados

Copyright © 1996 - Paraty Turismo e Ecologia Criação do site: PWI WebStudio